15/10/2021 às 09h28min - Atualizada em 15/10/2021 às 11h27min

Havanna apresenta sua inédita carta de vinhos

Ótimos para harmonizar com doces e empanadas, marca traz os rótulos Nieto Senetiner e Benjamin para suas lojas

SALA DA NOTÍCIA Mylena Zintl
O vinho tem ganhado cada vez mais fama entre os brasileiros. O que antes era considerado bebida da meia idade, tem conquistado o coração dos millenials, refletindo no aumento do consumo da bebida no Brasil. Segundo a Organização Internacional da Vinha e do Vinho (OIV), foi observado crescimento de 18,4%, em 2020, na busca pela bebida, passando de 360 milhões de litros consumidos em 2019 para 430 milhões em 2020. Ou seja, no último ano o brasileiro passou a beber, em média, 2,6 litros de vinho, no ano, ultrapassando a antiga margem de 2 litros.

Em países vizinhos, como a Argentina, o hábito de consumir uma taça em diferentes momentos do dia já é algo cultural. A bebida ganha cada vez mais espaço, possibilitando ótimas combinações para almoços, lanches e jantares. Sempre por dentro das tendências de consumo, e pensando em deixar seu catálogo de produtos cada vez mais diversos, a Havanna, renomada rede argentina de cafeterias, apresenta sua primeira carta de vinhos. Exclusivamente de seu país natal, as opções oferecidas promovem a experiência argentina em solo brasileiro.

Composto por três rótulos da vitivinícola Benjamin, o menu conta com o Nieto Senetiner Malbec, Benjamim Rosé Suave e Benjamin Malbec. Todos produzidos em Mendoza, o berço do vinho argentino, estarão disponíveis em todas as lojas Havanna. Segundo Fernando Gurgel, sommelier da Casa Flora, importadora dos vinhos, os estilos harmonizam bem com diferentes salgados produzidos pela marca. Confira os detalhes da carta.

Nieto Senetiner (750 ml)
Malbec de safra 2019, o vinho apresenta cor vermelho profundo, com aromas de frutas vermelhas, ameixa e figo, juntamente a notas de baunilha. No paladar nota-se ser incorporado e harmônico, com grande personalidade. Ótimo para acompanhar carnes vermelhas, corte suínos e queijos, bem como empanada de carne, de queijo e cebola e presunto e queijo.

Benjamin Malbec (750ml e 350ml)
Visualmente vermelho intenso de safra 2020, com aroma de frutas vermelhas e ameixas, finalizado com notas de baunilha, é um vinho encorpado e equilibrado. No paladar combina com carnes vermelhas, cortes suínos e queijos, podendo acompanhar a Coxinha de Costela, Croque El Señor e o Palermo Soho – itens do cardápio Havanna.

Benjamin Rosé Suave (750ml)
Diferente dos demais, o vinho tem estilo suave e refrescante. Perfeito para harmonizar com sobremesas, como as encontradas nas unidades Havanna, o Biscotcho, Alfajores e Tabletes, tem presença marcante. Jovem, de safra 2021, seu visual é rosa pálido, com aromas florais, combinados com notas de uvas frescas.

“A Havanna chegou ao Brasil para promover a experiência argentina completa. Já conquistamos o público com nossos Alfajores e Doce de Leite, chegou a vez de fidelizar com os nossos vinhos. Trouxemos três rótulos muito consumidos na Argentina e com grande potencial no Brasil, podendo acompanhar em diferentes momentos da vida e prometem agradar o paladar das pelas gerações Y, X e Boomers ao serem harmonizados com nossos demais produtos na loja ou em casa”, comemora Diego Schiano, diretor da Havanna Brasil.

Sobre a Havanna
Fundada em 1939 na Argentina, como uma fábrica de alfajores, a Havanna é uma rede de cafeteria referência em iguarias argentinas. Reconhecida por seu doce de leite e alfajores, a empresa está presente em 2500 pontos de venda em 12 países. No Brasil, a rede conta com cerca de 130 unidades em operação, sendo a maior parte em modelo de franquia. Além dos principais produtos, a marca trabalha com snacks; tabletes; empanadas e os deliciosos Havannets, cones recheados de doce de leite. A Havanna tem como missão ofertar conforto, acessibilidade, inovação e sabores que sejam fiéis aos seus principais pilares: alfajor, doce de leite e Argentina.
Notícias Relacionadas »
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...