17/08/2021 às 18h34min - Atualizada em 18/08/2021 às 00h00min

Canal Rural lança plataforma de conteúdo focada em sustentabilidade no agronegócio

Projeto Planeta Campo estreia na próxima segunda (23) com uma série de ações em todos os canais da emissora

SALA DA NOTÍCIA Tatiane Oliveira

Pensando em um futuro agropecuário sustentável, o Canal Rural lança o projeto “Planeta Campo”, que leva aos produtores rurais informações sobre como produzir com sustentabilidade. A iniciativa estreia na próxima segunda-feira (23), e conta com uma série de ações em todas as plataformas da emissora que visam capacitar, inspirar e reconhecer os agricultores e pecuaristas.

Segundo Julio Cargnino, presidente do Canal Rural,  o agronegócio brasileiro é campeão de sustentabilidade, mas nem sempre é reconhecido por isso. “Queremos mostrar que o agro é parte da solução dos problemas ambientais e que está fazendo muito pelo planeta. Nosso objetivo é conectar os produtores a experiências que já estão dando certo, com bons resultados econômicos, sociais e ambientais e mostrar isso à sociedade.” comenta.

O programa “Planeta Campo”, apresentado pelo jornalista Pablo Valler, será exibido de segunda a sexta, às 12h, e vai mostrar todas as iniciativas do setor para se adaptar às novas necessidades, produzindo com boas práticas aliadas à tecnologia. Serão exibidas reportagens, entrevistas e análises para que o produtor tenha a informação de como aliar a preservação ambiental e aumento da produtividade e rentabilidade. Também serão apresentados cases de sucesso de produtores rurais e empresas. 

O público ainda vai se aprofundar no assunto com o “Planeta Campo Entrevista”, que vai ao ar às quartas-feiras, às 19h30, trazendo entrevistas com grandes pesquisadores, especialistas e dirigentes das maiores empresas do agronegócio. O site www.planetacampo.com.br, vai reunir todas as informações e contará com um time de colunistas especialistas no setor. O tema também será abordado nas redes sociais do projeto, trazendo engajamento com o público. 

Todo cenário dos programas foi projetado em alinhamento com o tema e feito com materiais produzidos de forma sustentável. A madeira e o musgo são certificados com o Sistema de Gestão Ambiental 14001 e Norma de Qualidade ISSO 9001, já os móveis produzidos com pallet de transporte de carga, garrafa pet e lona de caminhão reaproveitada. 

Para Jaqueline Silva, diretora de Programação e Artístico do Canal Rural, o “Planeta Campo” é mais que um programa, é um movimento que a emissora abraçou. “O nosso objetivo é tratar a adoção do ESG como gerador de melhores resultados econômicos para todos e mostrar que a coexistência entre produtividade e preservação ambiental não é apenas possível, mas necessária. Os conteúdos voltados para sustentabilidade no agro irão introduzir aos produtores práticas de sustentabilidade que podem ser replicadas para melhorarem a produção e a rentabilidade”, explica.

Evento Internacional - O “Planeta Campo” vai participar da UN Climate Change Conference of the Parties (COP26), que acontece em Glasgow entre os dias 1 e 12 de novembro. A intenção é conectar o público do agro brasileiro com as discussões da conferência. O evento é a principal cúpula da ONU para debater as questões climáticas. No mesmo mês, será realizado o Fórum Planeta Campo para aprofundar a discussão sobre os resultados da COP 26 e o papel dos produtores rurais.

“No ano da COP26, seremos um movimento em prol de boas práticas de conservação ambiental no campo. Vamos levar conhecimento, inspiração e engajamento para produtores rurais conectarem seus negócios com o futuro sustentável”, finaliza Jaqueline.


 
Notícias Relacionadas »
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...