06/08/2021 às 17h20min - Atualizada em 08/08/2021 às 00h00min

Amor da juventude à terceira idade: do Canadá, cantora Mak London faz clipe sobre a sedução em diferentes fases da vida

Faixa "Hateboy" estará em álbum do mesmo título

SALA DA NOTÍCIA Nathália Pandeló Corrêa

MAK LONDON só quer se divertir em “Hateboy”, seu novo single e clipe. Após buscar o amor próprio no single de estreia “Empress” e cortar laços com relações tóxicas em “Cut Ya Clean”, a artista polonesa-canadense mostra que o amor pode chegar às pessoas em qualquer idade. A faixa dá título ao seu álbum de estreia, está disponível em todas as plataformas de música digital e ganha um vídeo dirigido pela artista e Ryan Northcott.

"Quero que quem ouça ‘Hateboy’ sinta como se estivesse por aí em um conversível vermelho incrível. Pense em pop moderno e divertido, com um toque de nostalgia que habita seus sonhos”, conta MAK, cujo nome de batismo é Magdalena Sztuk.

Uma mistura do minimalismo obscuro de Billie Eilish com o pop de arena de Ariana Grande marca a música de Magdalena. Nascida na Polônia e criada no Canadá, ela deixou o sonho de ser artista de lado diante dos desafios de ser imigrante durante boa parte de sua vida. Agora, já mais madura, assume o nome MAK LONDON se prepara para lançar seu primeiro álbum em setembro. 

Assista ao clipe “Empress”: https://youtu.be/2vRvgdHDnYs

Assista ao clipe “Cut Ya Clean”: https://youtu.be/mzsHYI1YbNU

  MAK faz uma mistura de um pop powerhouse e um clima meio mântrico para extravasar em faixas produzidas por Spencer Cheyne e Justin Kudding. “Hateboy” está disponível em todas as plataformas de música digital e no canal do YouTube da artista. 

Assista a “Hateboy”: https://youtu.be/hfteU5IZasw

Ouça “Hateboy”: https://smarturl.it/HateboyBR


Notícias Relacionadas »
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...