12/05/2022 às 18h45min - Atualizada em 13/05/2022 às 00h00min

Startup anuncia venda do aplicativo PedFarma para grande grupo farmacêutico

Empreendedores agora vão focar no crescimento do PedBot, plataforma de atendimentos para farmácias via redes sociais

SALA DA NOTÍCIA Ademir Morata
www.pedbot.com.br
O aplicativo PedFarma, que atua por  meio de um marketplce que permite a localização das farmácias mais próximas do usuário e a comparação de preços dos remédios, entre outras funcionalidades, acaba de ser adquirido por um dos maiores grupos farmacêuticos do país. A compra, cujo valor não foi revelado, foi anunciada por um dos criadores da solução, Rudy Tedeschi, que também é CEO da startup PedBot, maior plataforma de gestão de atendimentos via redes sociais para farmácias do Brasil.

Com a operação de venda consolidada, o aplicativo de marketplace para farmácias passa a integrar o portfólio desse grande grupo, que prefere não ser identificado por questões estratégicas. Já a startup de Marília, no interior de São Paulo, que desenvolveu o sistema,  ganha impulso e pode elevar o nível dos novos projetos focados em chat-commerce e inteligência artificial conversacional.

“A negociação consolida a história de sucesso da solução que se mostrou completamente eficaz em auxiliar o consumidor na tarefa de adquirir produtos a preços menores e com  maior conveniência. Da mesma forma, ela contribuiu para apoiar as farmácias em seus esforços por mais e melhores vendas”, comenta.

Entre as razões para o sucesso do aplicativo, explica o gestor, estão as bases do negócio. “O PedFarma foi criado com foco nas pessoas, em melhorar a vida delas. Nós nascemos para lutar dia e noite para que a vida das pessoas seja melhor. Com esse propósito conquistamos mais de 100 mil downloads e muitos resultados para farmácias e consumidores”, relata.

Rudy explica que o produto principal da startup mudou justamente pelas descobertas que o Pedfarma permitiu aos seus fundadores, acerca das expectativas, habilidades e necessidade de comunicação dos consumidores. Toda a experiência acumulada - a partir da aplicativo - permitiu a criação de uma nova solução pela startup. O CEO da empresa, Rudy Tedeschi, garante que o capital apurado no negócio foi fundamental para o lançamento da nova aposta da empresa: o Pedbot, que foi lançado em 2021, também com ênfase no mercado farmacêutico, mas atende também outros segmentos da economia. Em apenas 12 meses, a nova ferramenta conquistou 800 lojas em 24 estados do país.

A plataforma oferece um pacote de soluções para que empresas possam atender seus consumidores nas redes sociais com mais agilidade e eficiência, utilizando a tecnologia de bots, integradas a outros sistemas, como sistemas de atendimento.

“As mesmas adaptações que as empresas tiveram que fazer na época da universalização da telefonia, criando seus call centers e profissionalizando o atendimento, agora estão necessitando em relação aos inúmeros acessos que recebem por seus canais digitais, que precisam estar integrados. O atendimento digital só faz sentido se for eficiente”, explica.

O Pedbot permite gerenciar, em um mesmo local, as comunicações via WhatsApp, Facebook e Instagram, para que o empresário ou prestador de serviço não perca nenhuma venda.

Graças ao projeto, no início de abril, a startup recebeu um aporte de R$ 1 milhão em uma rodada feita por meio da parceria entre a Bossa Nova Investimentos e a aceleradora de startups Leavening.


“É uma nova fase, com a mesma equipe, com o mesmo propósito e a missão de criar soluções que tornem melhor a vida das pessoas. Vamos sempre avançar em desenvolvimento tecnológico, com novas soluções, conectando as empresas aos seus clientes, dando poder para essas empresas levarem maior qualidade de vida aos consumidores”, finaliza o CEO.

Com a venda da plataforma, desde agosto do ano passado, o Pedfarma está passando por mudanças e não estará mais disponível para download.

Para saber mais sobre o Pedbot, visite www.pedbot.com.br

 
Notícias Relacionadas »