27/04/2022 às 19h02min - Atualizada em 28/04/2022 às 00h00min

Fintech de crédito brilha ao auxiliar o pequeno empreendedor

Com suporte tecnológico da Novatics, Veriza ganha destaque por oferecer crédito para microempreendedores individuais de forma 100% digital

SALA DA NOTÍCIA Redação
Divulgação
Segundo levantamento feito pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), o ano de 2021 garantiu o recorde de 3,9 milhões de novos registros de microempreendedores individuais (MEIs) no país. Com o número cada vez maior de empreendedores se formalizando, cresce também o número de organizações que buscam soluções e inovações de mercado que atendam às necessidades desse tipo de negócio.

Neste contexto, a Veriza vem adquirindo uma posição importante no setor de fintechs do país. Contando com o co-investimento e auxílio técnico da Novatics, principal desenvolvedora de produtos digitais do Brasil, a startup atua oferecendo crédito para microempreendedores de forma 100% digital, rápida e segura.

Fundada em junho de 2020, a fintech desenvolveu um modelo de negócio baseado no aval solidário. Nesta fórmula, o empréstimo é feito para um grupo de três pessoas - um líder e dois convidados -, que se responsabilizam pelo crédito um do outro.

“Nosso modelo é mais eficiente do que os modelos atuais de microcrédito em grupo que possuem processos muito manuais com altos custos e dificuldade de expansão. Além disso, o aval solidário reduz de forma importante a inadimplência quando comparada com a do crédito individual. Com isso, nosso produto tem alta margem, resultado dos baixos custos e da baixa inadimplência”, explica Juvêncio Braga, fundador e CEO da Veriza.

Mesmo com pouco tempo de atuação, a empresa já atingiu marcas expressivas no mercado, tendo captado o montante de R$1,5 milhão no ano de 2021 e já ter emprestado mais de R$ 700 mil para MEIs brasileiros nesse período.

Por trás da tecnologia
Os altos patamares apresentados neste caso da Veriza só foram possíveis graças à contribuição da expertise da Novatics, que atua como desenvolvedora e co-investidora da fintech. Responsável pela estruturação tecnológica e a formalização do projeto, a empresa é um motivador direto pelo sucesso de sua parceira.

“Somos responsáveis por apresentar estratégias assertivas e ágeis para que os nossos parceiros consigam tirar as ideias e novos negócios do papel. Nossa função é transformar a solução idealizada numa forma factual, para que estas possam ser postas em prática com ritmo e modelo de uma startup”, pontua Flávio Alves, fundador e CEO da Novatics.

Especialista na atuação no mercado financeiro, a organização é hoje a principal desenvolvedora de produtos digitais do Brasil. Assumindo uma postura de alinhar design a tecnologia, a Novatics oferece um know-how referenciado no apoio a bancos, seguradoras e, principalmente, fintechs.

Baseado num país em que o dinheiro em espécie vive em um momento de crise, as empresas que buscam unir a tecnologia ao setor financeiro experienciam um momento de alta vertiginosa no Brasil, superando a expressiva marca de 1.400 exemplos de companhias no setor. 

A partir disso, a Novatics se mostra o parceiro ideal para as fintechs no momento de desenvolvimento de tecnologia, estando atenta, inclusive, para o teor de impacto social dessa sua atuação. “Disponibilizamos o que há de mais avançado e inovador no universo do desenvolvimento de projetos tecnológicos para as fintechs. Esses fatores impactam diretamente na qualidade e velocidade com que os projetos e produtos são desenvolvidos para os clientes, solucionando dores latentes do mercado”, garante Flávio Alves. 
Notícias Relacionadas »