28/03/2022 às 17h40min - Atualizada em 29/03/2022 às 00h01min

4 dicas para investir em tempos de instabilidade

Analista de ações do app Kinvo explica como uma boa estratégia pode ajudar os investidores a passar por momentos sensíveis da economia nacional e internacional

SALA DA NOTÍCIA Redação
Freepik

São Paulo, março de 2022 - O mercado financeiro tem sofrido muita instabilidade devido ao atual cenário, que conta com a alta da inflação, os impactos da pandemia, além dos recentes conflitos entre Rússia e Ucrânia, que tem deixado o mundo em estado de alerta. Aqui no Brasil é ano de eleição, o que deixa o mercado de ações ainda mais sensível e instável.

Esse cenário traz muitas incertezas para os investidores, fazendo-os pensarem e repensarem suas estratégias de investimento, com o temor de que as ações caiam. Segundo Beto Assad, analista de ações e consultor financeiro do Kinvo, aplicativo que consolida investimentos de bancos e corretoras em um só lugar, contar com uma boa estratégia de investimento e desenvolver uma visão a longo prazo, podem contribuir para enfrentar esse momento da melhor forma possível. O especialista listou quatro dicas sobre como os investidores devem agir em tempo de instabilidade. Confira abaixo:

Diversificação

Uma carteira bem estruturada deve ter uma boa diversificação. Se o investidor possui muita concentração em renda variável, por exemplo, o momento pode trazer um pouco mais de preocupação. Com a renda fixa voltando a patamares bem atrativos no Brasil, manter uma carteira muito agressiva pode não ser o mais adequado nesse momento.

Assim, se a estratégia já possui uma boa diversificação, a chance de conseguir se manter mais tranquilo e fiel à estratégia é bem maior numa eventual crise mundial de maior duração.

Foco no longo prazo

Se o investidor tem uma estratégia de longo prazo e tem conquistado resultados consistentes, talvez ela não precise de nenhum ajuste. “É interessante rever o comportamento da carteira em outros momentos de maior instabilidade nacional e internacional. Se a carteira se saiu bem em outros momentos tensos, ela provavelmente já está bem balanceada”, explica Assad.

Apostar em setores beneficiados no momento

A renda variável tende a ficar mais frenética em momentos de crise aguda. Por outro lado, sempre irão existir setores que tendem a se beneficiar em momentos de maior estresse no mercado. Portanto, talvez seja hora de buscar maior concentração em empresas que possam lucrar mais no cenário de crise. Muitas vezes, ao invés de mudar totalmente a estratégia e abandonar as ações num momento de pânico, basta apenas fazer um ajuste de quais setores investir.

Proteja-se da inflação

A inflação vem crescendo bastante nos últimos meses e é algo que já aconteceu em outras épocas. Por isso, o analista de ações do Kinvo recomenda que qualquer carteira de investimento de um brasileiro tenha algum tipo de proteção contra a inflação no longo prazo, trazendo maior tranquilidade para o investidor, principalmente quando nossa moeda passa a perder valor de forma mais insistente. Tesouro IPCA+, fundos e outros títulos atrelados à inflação são boas opções para manter uma carteira bem equilibrada.

 

Sobre o Kinvo

O Kinvo é um aplicativo de consolidação que possibilita o controle, a análise e o acompanhamento de todos os investimentos em um só lugar. Com operações iniciadas em 2018, a ferramenta conta com mais de 750 mil usuários, R$ 170 bilhões em ativos cadastrados, quase 10 milhões de interações de cadastros de aplicações e tem como missão transformar a relação entre as pessoas e os investimentos. Com uma interface intuitiva e análises apuradas, é ideal tanto para investidores mais experientes quanto para os iniciantes terem mais autonomia e serem capazes de tomar decisões mais assertivas para melhorar seus resultados. Em março de 2021, foi adquirido pelo BTG Pactual digital, maior banco de investimentos da América Latina. 


Notícias Relacionadas »