28/01/2022 às 19h06min - Atualizada em 29/01/2022 às 00h00min

Valor médio do aluguel em SP cai 8% em 2021, aponta levantamento da startup Kenlo

Segundo dados da área de inteligência de mercado da proptech, região leste foi a que apresentou a maior queda, passando de R$ 2.169 para R$ 1.571

SALA DA NOTÍCIA Victor Theodoro
Kenlo
Levantamento feito pela plataforma Kenlo, proptech líder no mercado de imóveis, responsável por conectar imobiliárias, corretores e administradores, mostra que o valor médio do aluguel na cidade de São Paulo teve queda de 8% em 2021 quando comparado ao balanço de 2020. Passou de R$ 2.172 para R$ 1.998, sendo que a região leste foi a que apresentou a maior queda, observando uma variação de R$ 2.169 para R$ 1.571, ao contrário das regiões Oeste e Sul que apresentaram crescimento de 10% e 5%, respectivamente. Os dados mostram que a quantidade de negócios fechados na capital subiu 41%, indicando que apesar do movimento durante a pandemia onde o home office se torna cada vez mais presente e famílias buscam imóveis no interior, o mercado na cidade de São Paulo continua crescendo e forte. 

Sobre a Kenlo  
 
A Kenlo já nasce como líder no mercado nacional em sistemas de gestão imobiliária, conectando 55 mil usuários e mais de 10 mil clientes (imobiliárias, administradores e corretores autônomos) por meio de ferramentas inteligentes e inovadoras, representando 25% do mercado profissional de compra, venda e locação de imóveis usados no país. 
 
Sempre à frente das tendências, a Kenlo busca constantemente novas oportunidades de forma dinâmica e eficaz, acreditando que o papel do corretor é imprescindível para a liquidez do mercado imobiliário, em constante evolução. 
 
A empresa fornece soluções de digitalização para imobiliárias locais, treinamentos para equipes, informações de mercado, possibilitando que as imobiliárias se transformem em plataformas completas de negócios
Notícias Relacionadas »